MULHERES NA IDADE MÉDIA.

Resistência feminina.

Ai daquelas que escapam a seus muros para manifestar-se em público: acabarão, não raro, na fogueira, acusadas de heresia. As que usam saberes populares para invadir o território dos guardiões profissionais da farmacopeia e da medicina científica ou dos detentores do poder na aldeia são acusadas de bruxaria, caindo num modelo de repressão que não atingiu apenas as mulheres, mas foi usado para eliminar vozes e condutas discordantes.

Nos tratados religiosos e romances sexistas, a vida das “nobres damas” se passa entre a cozinha, o quarto e o convento, sob tutela completa. No entanto, ainda que isso fosse realidade na maior parte das vezes, algumas deram início naquele período a um surpreendente e decisivo processo de emancipação.

História Viva

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s