Em nomes de animais brasileiros, a resistência tupi

Colonizadores tentaram renomeá-los: jaguar virou “onça”, tapir ficou “anta”. Alguns, viraram híbridos: lobo-guará, tamanduá-bandeira, sapo-cururu. Mas língua indígena venceu, por maioria esmagadora: sabiá, tamanduá, perereca, jabuti Por Sérgio Buarque de Gusmão Já nascida sob a suspeita de que mais vai servir … Continuar lendo Em nomes de animais brasileiros, a resistência tupi

A esquerda e a direita segundo Ariano Suassuna

“Quem, na sua visão do social, coloca a ênfase na justiça, é de esquerda. Quem a coloca na eficácia e no lucro, é de direita”. Não concordo com a afirmação, hoje muito comum, de que não mais existem esquerda e … Continuar lendo A esquerda e a direita segundo Ariano Suassuna

Drogas: muito além da hipocrisia

Como políticas oficiais proíbem algumas substâncias, mas estimulam consumo irresponsável de centenas. Por que é preciso fazer exatamente o contrário Por Henrique Carneiro* Uma política sobre drogas deve abranger os três circuitos de circulação das substâncias psicoativas existentes na sociedade contemporânea: … Continuar lendo Drogas: muito além da hipocrisia

O coronavírus, nosso contemporâneo

Nosso modo de viver gestou e difundiu o vírus. Agora, um muro civilizatório divide o tempo em antes e depois da pandemia. E entre os resignados, que creem na volta à “normalidade”, e os que apostam em reconstruir o mundo … Continuar lendo O coronavírus, nosso contemporâneo

O que é apropriação cultural e por que o tema vem à tona no Carnaval

AS LÍDERES INDÍGENAS CÉLIA XAKRIABÁ E SÔNIA GUAJAJARA, NO PRIMEIRO PLANO, COM (DA ESQ. PARA A DIR.) AS ATRIZES DIRA PAES E ALESSANDRA NEGRINI E A CANTORA FAFÁ DE BELÉM NO BLOCO ACADÊMICOS DO BAIXO AUGUSTA, EM SÃO PAULO Juliana … Continuar lendo O que é apropriação cultural e por que o tema vem à tona no Carnaval

Panc: Brasil tem cinco mil plantas comestíveis

O mestre e doutor Valdely Ferreira Kinupp, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas (Ifam), é orientador credenciado no Programa de Pós-Graduação em Botânica do Inpa (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia), pesquisador e divulgador das plantas … Continuar lendo Panc: Brasil tem cinco mil plantas comestíveis

Um Brasil de 154 línguas

Livro “Línguas indígenas: tradição, universais e diversidade” apresenta as quase duas centenas de idiomas falados no Brasil por tribos indígenas Por Caio Santana Apesar de ser praticamente homogêneo em todo o território nacional, apenas com distinções de sotaques e regionalismos dependendo … Continuar lendo Um Brasil de 154 línguas

Mídia negra: discursos e ações em permanente luta contra o racismo

Falta de representatividade na mídia, além da ausência de negros na linha de frente de definições editoriais, motiva a criação de coletivos Em fevereiro de 2019, corpos negros coloridos de verde e rosa desfilaram na Sapucaí cantando a história que a … Continuar lendo Mídia negra: discursos e ações em permanente luta contra o racismo

Para avaliar mudanças climáticas, cientistas criam projeto baseado em conhecimento tradicional

“O método prevê a realização de entrevistas e oficinas participativas em diferentes locais do mundo. os dados resultantes ficarão disponíveis a interessados em desenvolver políticas de adaptação, modelos de mudanças climáticas e outras pesquisas sobre o assunto”, escreve Júlia de Freitas, em artigo … Continuar lendo Para avaliar mudanças climáticas, cientistas criam projeto baseado em conhecimento tradicional

Raízes do Samba: Qual foi a importância histórica das mulheres negras no samba?

By Ana Júlia Gennari O samba é o ritmo símbolo de resistência da cultura negra. E as mulheres negras foram essenciais para que ele pudesse seguir existindo no período pós-escravidão. Se não fosse por elas, o samba não existiria hoje. No entanto, pouco … Continuar lendo Raízes do Samba: Qual foi a importância histórica das mulheres negras no samba?