Carta de um idoso japonês sobre o desastre nuclear de Fukushima

Cena do filme Sonhos de Akira Kurosawa Finalmente, a TEPCO está esperando os voluntários que “vêem energia nuclear com outros [bons] olhos” para ajudar da remoção de 1554 barras de combustível, que pesam juntas 300 toneladas e está dentro de uma piscina suspensa que pode ruir a qualquer momento e fazer da contaminação de Tchernobyl um pelinho apenas. Aliás, acho que quem vê energia nuclear com outros bons olhos deveria ir morar no Japão. Pode ser até Tóquio para facilitar. Falar uma coisa é fácil. É preciso vivenciá-la na pele. Aliás os economistas precisam se comprometer com as suas palavras, … Continuar lendo Carta de um idoso japonês sobre o desastre nuclear de Fukushima

Projeto viaja pelo Brasil registrando saberes da infância

Por Carolina Pezzoni, do Promenino, com Cidade Escola Aprendiz A infância é invisível ao universo adulto. Esta foi uma das descobertas que mais surpreenderam Gabriela Romeu, jornalista especializada em produção cultural para a infância, em suas andanças pelos rincões brasileiros, em zonas urbanas ou rurais – “até mesmo em lugares onde só se chega depois de dias viajando de barco”, como ela própria fez questão de realçar –, ao pesquisar a vida de meninos e meninas em diferentes cantos do país. Com ares de adversidade, a revelação, porém, fortaleceu a proposta do Infâncias, um projeto idealizado por Gabriela e sua … Continuar lendo Projeto viaja pelo Brasil registrando saberes da infância

A mais terrível de nossas heranças – Darcy Ribeiro

Este texto é para quem não percebe a importância das cotas, das políticas de ação afirmativa, para reparar uma injustiça histórica. Às vezes penso que muitas pessoas não têm noção do que significa para um ser humano ser escravizado. As marcas que isso deixou, os traumas, e inclusive a absurda desvantagem em termos de ocupar um lugar digno na sociedade. Darcy Ribeiro explica. *** Apresado aos quinze anos em sua terra, como se fosse uma caça apanhada numa armadilha, ele era arrastado pelo pombeiro – mercador africano de escravos – para a praia, onde seria resgatado em troca de tabaco, … Continuar lendo A mais terrível de nossas heranças – Darcy Ribeiro

A arte de ignorar a natureza

Engevix, Leme e CNEC-WorleyParsons: conheça as três empresas que se revezam na elaboração de estudos de impacto ambiental das maiores usinas hidrelétricas do país. Para acelerar o início das obras, vale tudo por Alice Maciel | 28 de julho de 2015 “A luta nossa, menina, tem sido pesada demais”, descreve o pescador Ademar Leôncio, que em seguida passa a palavra para a lavadeira Jovecília de Jesus continuar a história. Sentados em uma mesa da casa do extrator de pedra e areia Reinaldo Oliveira, o Reinaldão, os três contam como foi a chegada da hidrelétrica de Itapebi, em Salto da Divisa, … Continuar lendo A arte de ignorar a natureza