Brutalismo do Antropoceno

Entrevista com Achille Mbembe Brutalismo. A palavra refere-se, espontaneamente, a um movimento arquitetônico famoso pelo uso eficiente do concreto bruto. Ao optar por tomá-lo como o título de seu novo livro, Achille Mbembe propõe outro significado, ainda que o termo original continue ressoando em … Continuar lendo Brutalismo do Antropoceno

O colonialismo fez o mundo moderno. Vamos refazê-lo

É assim que a verdadeira ”descolonização” deveria ser Por Adom Getachew   Descolonize esse lugar!” “Descolonize a universidade!” “Descolonize o museu!” Nos últimos anos, a descolonização ganhou uma nova compreensão política – dentro das fronteiras das antigas potências coloniais. Movimentos indígenas … Continuar lendo O colonialismo fez o mundo moderno. Vamos refazê-lo

Manifestações depois da morte de George Floyd representam a globalização da consciência sobre o racismo. Entrevista especial com Kabengele Munanga

“Temos lições a tirar dessa espontaneidade em massa”, diz o antropólogo, sobre protestos que reuniram pessoas de todas as cores e nacionalidades Por: João Vitor Santos| Edição: Patricia Fachin | 15 Junho 2020 A expansão das manifestações contra o racismo para vários … Continuar lendo Manifestações depois da morte de George Floyd representam a globalização da consciência sobre o racismo. Entrevista especial com Kabengele Munanga

A América Latina derrota a ilusão de identidade

Os colonizadores tentaram. Mas seu projeto de pureza, razão, ordem e centralismo sucumbiu à potência da natureza e da mestiçagem. Esta subversão histórica, e singular, deveria dizer algo aos movimentos emancipatórios contemporâneos OUTRASPALAVRAS DESCOLONIZAÇÕES por Ricardo Cavalcanti-Schiel Por Ricardo Cavalcanti-Schiel* | Imagem: Tarsila do Amaral, Batizado de Macunaíma(1956) Antes dos governos de Evo Morales na Bolívia, sobretudo nas duas últimas décadas do século XX e no primeiro lustro do século XXI, as organizações de base indígena do país (o que não deixa de incluir, apesar das marcas históricas específicas, as organizações de mineiros), quando queriam alçar seus protestos de modo mais contundente, lançavam mão de … Continuar lendo A América Latina derrota a ilusão de identidade

O esgotamento do desenvolvimento: a confissão da Cepal

“A tese simplista do crescimento econômico que garante o desenvolvimento é insustentável, uma vez que quase todos os países passaram recentemente por uma fase de expansão, mas sem resolver problemas como emprego formal, equidade ou industrialização. Hoje também é evidente que a própria ideia de … Continuar lendo O esgotamento do desenvolvimento: a confissão da Cepal

Ao mobilizar 20 mil estudantes pelo clima, jovem é ícone na defesa ambiental no Quênia

Fabíola Ortiz Aos 24 anos, Liz Mazingira é fundadora de um movimento nas escolas do Quênia que, em dois anos, já plantou mais de 30 mil mudas. Foto: Facebook. Elizabeth Wanjiru Wathuti ou simplesmente ‘Liz Mazingira’ plantou sua primeira árvore aos sete anos de idade na floresta de Karima, no planalto central do Quênia. A menina Liz cresceu em Tetu, um povoado no distrito de Nyeri, a 160 quilômetros ao norte da capital Nairobi. Ainda criança, por iniciativa própria, criou um grêmio ambiental em sua escola com o apoio de seus professores de geografia. Hoje, aos 24 anos, formada em … Continuar lendo Ao mobilizar 20 mil estudantes pelo clima, jovem é ícone na defesa ambiental no Quênia

Mídia negra: discursos e ações em permanente luta contra o racismo

Falta de representatividade na mídia, além da ausência de negros na linha de frente de definições editoriais, motiva a criação de coletivos Em fevereiro de 2019, corpos negros coloridos de verde e rosa desfilaram na Sapucaí cantando a história que a … Continuar lendo Mídia negra: discursos e ações em permanente luta contra o racismo

Não existe o país “África”

“O continente africano, na realidade, é dinâmico e muito mais plural do que se pode imaginar, como por exemplo, quanto aos africanos, que em sua maioria dominam mais do que uma língua de origem, e além disso, falam ao menos uma língua … Continuar lendo Não existe o país “África”

Para avaliar mudanças climáticas, cientistas criam projeto baseado em conhecimento tradicional

“O método prevê a realização de entrevistas e oficinas participativas em diferentes locais do mundo. os dados resultantes ficarão disponíveis a interessados em desenvolver políticas de adaptação, modelos de mudanças climáticas e outras pesquisas sobre o assunto”, escreve Júlia de Freitas, em artigo … Continuar lendo Para avaliar mudanças climáticas, cientistas criam projeto baseado em conhecimento tradicional

Raízes do Samba: Qual foi a importância histórica das mulheres negras no samba?

By Ana Júlia Gennari O samba é o ritmo símbolo de resistência da cultura negra. E as mulheres negras foram essenciais para que ele pudesse seguir existindo no período pós-escravidão. Se não fosse por elas, o samba não existiria hoje. No entanto, pouco … Continuar lendo Raízes do Samba: Qual foi a importância histórica das mulheres negras no samba?